quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Cave of Forgotten Dreams




Uma sugestão dada por quem, não tendo o mínimo espírito de toupeira, tenta sempre entrar nas várias grutas. Felizmente ainda consegui ver algumas in locco, sobretudo no centro de França, sem ser em "fotocópia" como chamei à gruta de Lascaux que foi reproduzida ao lado da verdadeira e que também vi. Eu percebo a razão destas limitações, mas ver um Cézanne num museu (nas paredes da minha casa, não, apenas porque são muito pequenas ;)) não é o mesmo que o ver num livro ou em cópias.

Por isso gostei de ver estes escassos raros minutos!

6 comentários:

jrd disse...

Mesmo assim: "Unforgettable"!

mfc disse...

Também me passiei na "gruta subsidiária"... há mais de 20 anos!!

Teresa Durães disse...

raras as grutas que entrei que não eram de acesso ao público. Escorregar, descer, subir. Infelizmente não eram um mar de maravilhas como estas do vídeo. Mas é uma experiência engraçada

Mar Arável disse...

Tanta vida

nos olhos das toupeiras

Há que desbravar grutas
mesmo à superfície

Ad astra disse...

gostei imenso de ver

heretico disse...

grutas sao um misterio... insodável!