quarta-feira, 6 de junho de 2012


um manto oculta
na tarde o silêncio
só a procura redime
só a descoberta pacifica

é estreito o trilho do caminho.

HFM - 6 de Junhode 2012

7 comentários:

addiragram disse...

Estreito e...sinuoso,mas indispensável.

Belo poema!

Mar Arável disse...

Que seja estreito

mas é por aí
que caminhamos
vagarosos instantes

jrd disse...

Estreito sim, mas suficiente para encontrar...

:)

Ad astra disse...

desviando pedras...

heretico disse...

entre a procura e a descoberta rudeza dos caminhos. há que percorrê-los...

mfc disse...

O que é difícil, acaba por nos dar mais gozo...

Marisete Zanon disse...

que delicadeza de versejar, muito bonito, soa tranquilo...Amei todos da página! Posso linkar o seu blog?
Um bom domingo.
bjo