quinta-feira, 8 de março de 2012

Sem título

Desaprendi
da vida a tessitura

do mar soltam-se cânticos!

HFM - Março 2012

8 comentários:

Ad astra disse...

e a beleza das palavras, mesmo

mfc disse...

E o mar é o bastante?!

jrd disse...

Líquida, a música.

Ana disse...

Não tinha dado conta da mudança ! É bom saber que o mar continua a cantar para ti !

Luis Eme disse...

às vezes também sinto isso, Helena...

Licínia Quitério disse...

É muito forte a voz que te chega do mar.

heretico disse...

desaprender para melhor conhecer, e sentir...

J.T.Parreira disse...

"Do mar soltam-se cânticos", é verso, poderia ser título de poema também.