sábado, 22 de novembro de 2008

Citando # 194


Ter uma ideia, um pensamento sobre o que nos aflige é estar longe dele. Sofrer é não pensar ainda, para fora do sentir as coisas num baque na alma. Mas pensar é ao menos ainda viver ao pé do que nos comove. Não me é fácil pensar hoje seja sobre o que for. Como água por borracha, as coisas passam por mim e deixam-me intacto. Que significa no fim da vida o que problematizámos na plenitude? O que ficou foi apenas um difuso sentir com um grande encolher de ombros no meio e um manguito na consciência.


Vergílio Ferreira, Conta-Corrente 1



11 comentários:

addiragram disse...

Extraordinária reflexão sobre o funcionamento psíquico.Quando se está próximo da dor não se consegue pensar e quando se pensa ainda não conseguimos partir.
Disse um dia : as palavras estão verdes/ainda não nasceram as emoções que as germinam.

Graça Pires disse...

"Que significa no fim da vida o que problematizámos na plenitude?" Vergílio Ferreira sabia reflectir sobre tanta coisa. Sou admiradora de tudo quanto ele escreveu.
Um beijo.

maltes disse...

Gostava de atirar pedras no charco este senhor.
Gosto deste excerto que seleccionaste.

susecris disse...

Acabou de receber o prémio Dardos.

Agora é só cumprir as regras. Quem recebe o “Prémio Dardos” e o aceita deve:

1. - Exibir a distinta imagem;

2. - Linkar o blog pelo qual recebeu o prémio;

3. - Escolher quinze (15) outros blogs a que entregar o Prémio Dardos.

Márcia disse...

"Sofrer é não pensar ainda, para fora do sentir as coisas num baque na alma. Mas pensar é ao menos ainda viver ao pé do que nos comove.'

Belíssimo.

Um beijo grande, minha amiga.

fred disse...

Nunca se sabe quando é o fim da vida, portanto não sei se estou ou não no fim da minha, mas se é indício disso lançar um olhar diferente para “o que problematizámos na plenitude”, creio que sim, que estou. Ou que alcancei antecipadamente uma certa tolerância para coisas às quais eu reagia apaixonadamente, cegamente, melhor dizendo.
Beijos, Helena.

mfc disse...

Mas isso há-de voltar um dia com todo o seu peso.

~pi disse...

caminhar por inteiro

o lugar onde

somos verdade,

( que tudo o mais pouco

importa,




-

Susana Barbosa disse...

boa semana Helena!

Anónimo disse...

No espaço branco, retorcido da dor, a palavra é o aguilhão do sentir.
Bj.

maria m. disse...

de algum modo, recordou-me algum do pensamento de F. Pessoa.

bela reflexão.