quinta-feira, 2 de julho de 2009

há uma enorme saudade
no assobio do vento
entranhando-se no teu olhar

ribeiros de maresia
sem foz
nem arroios de luar.




HFM - Lisboa, 18 de Junho de 2009

10 comentários:

Ad astra disse...

olhar de saudade
ou a
saudade do olhar

Teresa Durães disse...

a distância. a voz que não se ouve. o olhar perdido

~pi disse...

? também da foz

se diz

ao

contrário,




beijo




~

António Baeta disse...

A quem devo dizer o quanto gostei dessa saudade no assobio do vento?
À Helena ou à Maria? :)

Isabel disse...

tão belo


Helena....

tão.....





beijo.



.piano.

Licínia Quitério disse...

Da saudade que tudo inunda. Belo, Helena.

mariab disse...

belíssimo. nostálgico. um mar de saudade.
beijo

Graça Pires disse...

A voz do vento a falar da saudade...
Um beijo Helena.

Paulo disse...

há sempre a plenitude aqui.

nas sílabas que magica.mente se juntam.

um bom fim de semana.

maria m. disse...

a saudade, numa bela metáfora.